Princesa do Solimões está na final

domingo, 4 de março de 2012 Comments

Aderbal Lana havia dito que sabia o caminho para vencer o Penarol na semifinal. Nem foi preciso: com dois empates em 1 a 1, o Princesa acabou se classificando em uma emocionante cobrança de pênaltis.

eq3ltu4z
PAULO ROGÉRIO | GLOBOESPORTE.COM - Como diz o ditado "quem não faz leva". Assim pode ser definida o resultado final da partida entre Penarol e Princesa, no empate no tempo normal em 1 a 1. O Leão da Velha Serpa, perdeu inúmeras oportunidades durante a partida para definir o placar. Na cobrança de pênaltis, o Tubarão de Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus), conquistou a vitória e sua vaga na final do primeiro turno do Campeonato Amazonense, neste domingo, 4, no estádio Floro de Mendonça, em Itacoatiara (a 176 quilômetros da capital amazonense).

1º tempo

Logo no início da partida, em um lance duvidoso, o meia Igor Cearense, tocou para Fernando na grande área. Ao dominar a bola, o jogador foi empurrado, mas o árbitro Celso Mota Resende, não assinalou a penalidade no lance. O primeiro lance de perigo do Penarol, foi aos 8 minutos, com Edson Sá pela direita, que chutou a bola e explodiu no travessão do goleiro do Princesa. Na sequência do lance, o jogador se contundiu e cedeu seu lugar para Ronimar.

O Princesa perdeu a chance de abrir o marcador, aos 16 minutos. O atacante Cacau, invadiu a grande área sozinho e não teve a tranquilidade para fazer o gol. A partida mostrava uma igualdade dentro de campo. Apesar de jogar em Itacoatiara, o Princesa não se intimidou e com jogadas rápidas procurava os lances pelas laterais para entrar no setor defensivo do Leão da Velha Serpa.

O Penarol em duas oportunidades com Fernando teve a chance de abrir o marcador. Aos 29 minutos, Igor Cearense, novamente cruzou para o atacante que pegou de primeira, mas o goleiro Luis Paulo defendeu. Aos 32 minutos, Fernando em uma jogada pela direita, dominou na grande área e na finalização chutou por cima do gol. Aos 41 minutos, Igor Cearense lançou para Ronimar pela esquerda, o jogador de frente para o gol perdeu a chance de abrir o placar, no final do primeiro tempo.

zgi4b1o2

2º tempo

Aos 13 minutos, Fernando sofreu uma falta pela esquerda, próxima da grande área. O lateral direito, Isac, estreante no time mostrou personalidade e pediu para bater. Na cobrança, a bola viajou pelo alto e acabou indo pro fundo gol, 1 a 0. Aos 30 minutos, veio o empate do Princesa. Felipe em uma jogada pelo lado esquerdo, subiu mais alto do que a defesa do Leão e marcou o gol, 1 a 1.

O Leão da Velha Serpa, deu o troco, aos 35 minutos, com Marinelson, depois de um cruzamento pela esquerda para Kitó dominar na grande área e perder o gol sozinho. O Penarol dominou a partida no segundo tempo, mas os jogadores não conseguiam concluir com objetividade na hora de marcar o tento.

No final da partida Marinelson, Kitó e Fernando perderam muitos gols, que poderia mudar a história do jogo. Nas cobranças de penalidades tudo ficou igual com três convertidas e duas perdidas, 3 a 3. Na sequência alternada, o Princesa, conseguiu leva a melhor e conquistou a vitória por 4 a 3 e sua vaga na final do turno.

Ficha Técnica

Penarol x Princesa do Solimões
Data: 04/03/2012 - domingo
Local: Estádio Floro de Mendonça - Partida de volta pela semifinal - em Itacoatiara (a 176 quilômetros da capital amazonense)
Público Pagante: 1.144
Renda: R$ 10.975,00
Árbitro: Celso Mota Resende
Assistentes: Abson Pantoja de Barros e Anne Kesy Gomes de Sá

Penarol: Carlão; Anderson Cristo, Pezão, Isac, Rondinelle, Edson, Paulo Roberto, Edson Sá (Ronimar) (Kitó), Marinho (Marinelson), Igor Cearense e Fernando. Técnico: Roberto Oliveira.

Princesa do Solimões: Luís Paulo; Neto Cabeção (Almirzinho), Kaué, Piru, Batista, Fernando, Baiê, Cacau, Dan (Simão), Neto (Felipe) e Renato. Técnico interino: Aderbal Lana.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/am/noticia/2012/03/princesa-am-vence-o-penarol-am-nos-penaltis-e-decide-o-titulo-do-1-turno.html

 

©Copyright 2009 Futebol Amazonense | TNB